Cena de Verão

25 janeiro, 2007

Toda cidade tem sua satélite.
Em Natal, a cidade-satélite foi orbitada por uma festa decente (dançante tb., quando tocou a Orq Boca Seca). Estou me referindo à atividade realizada por lá no sábado 20 (jan), na primeira edição do projeto ?ecos dos bairros?, iniciativa de uma turma grande unida pela motivação de cutucar os ares culturais natalenses.
Tudo aconteceu num terreno descampado cedido pela cidade aos organizadores, que ali se revezavam entre os tantos afazeres: oficinas de criação, projeção de vídeos locais e apresentações musicais. A parte que acompanhei, do meio já mais para o fim, contou com uma excelente programação incluindo bandas da comunidade que se misturaram ao recém formado projeto DUB, além de boas bandas como a Rodubeque e a já citada orquestra Boca Seca. Ainda tivemos a sempre benvinda participação de Pedro Mendes no encerramento.
Contam os que se envolveram com a estruturação do evento que pretendem realizá-lo periodicamente, indo de uma região a outra da cidade para apontar a falta de cuidados que a administração possui com a cultura potiguar. Se assim for, teremos em março ecos na Ribeira, e em seguida na ZN.

iXi ? outras postagens
iXi ? página pessoal

ps. ah, alguns dos mesmos grupos voltarão a tocar nessa sexta na Estação Ribeira (mais inf.: 3222 9526).

CRÔNICA do ELO

3 janeiro, 2007

Eu sou limpo, transparente, e quero brilhar
Apesar de todo o caos, aqui e em volta do mundo
E de todo o caos em mim

sou resultante de todas as (des)crenças do homem de hoje
de todas as suas inquietações, tão quotidianas
15 minutos para os sobressaltos diários
os noticiários alardeiam o sangue nas manchetes
quantos esquartejados, ainda
a violência respinga nossos ombros
ejacula nas telas eletrônicas
fodendo em nossos espelhos óticos

Uma nova corrente se forma
Explode explícita na crônica
Quero ser um elo.
Quero ser um elo.

Vem, eu te chamo
Eu te amo!

Vem, passa por aqui
Senta um pouco, amigo
Pare um pouco
Para cantar e dançar
Em volta das bandeiras

Estamos a costurá-las
E você pode vir comigo
No elo ligado ao meu
Se outro ligar no seu

Várzea da Caatinga ? Brasil
janeiro de 7

iXi ? outras postagens
iXi ? página pessoal

O texto original da mensagem é uma contribuição do projeto ?São Paulo Mais Poesia? ao estímulo por uma campanha de poesia coletiva da humanidade visando o fortalecimento da Arte como fonte para um novo futuro cultural.